[Iniciantes] como se desenvolver rapidamente no Jogo Ogame

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Iniciantes] como se desenvolver rapidamente no Jogo Ogame

Mensagem  Admin em Seg Jan 11, 2010 1:39 am

1. Ordem dos Edifícios

Quando estiveres iniciando o jogo OGame, o teu planeta estará completamente vazio, aqui vai uma dica de como o desenvolveres:

1. Planta de Energia Solar Nível 1
2. Mina de Metal Nível 1
3. Mina de Metal Nível 2
4. Planta de Energia Solar Nível 2
5. Mina de Metal Nível 3
6. Mina de Metal Nível 4
7. Planta de Energia Solar Nível 3
8. Mina de Cristal Nível 1
9. Mina de Metal Nível 5

e por aí adiante ...

A razão para se focar na mina de metal é que futuramente serão necessárias enormes quantidades do mesmo. No começo não necessitarás de muito cristal ou deutério, assim sendo aumenta a tua produção de metal tão rapidamente quanto possas até que atinjas o nível 7 ou 8. Depois disto então deves evoluir a tua mina de cristal para uns níveis mais elevados.

2. Expandindo

Tenta pesquisar tudo o que é necessário para construir naves de colonização o mais rapidamente possível. Quando um jogador possuir a sua 1ª nave de colonização, aconselha-se que tente colonizar um planeta da posição 4, 5 ou 6. A probabilidade de obter uma colónia grande é maior nestas posições. Quando a colónia estiver construída, constrói os teus edifícios como foi descrito no capítulo 1, para desenvolveres rapidamente a tua colónia. Tenta colonizar pelo menos outros 6-7 planetas, mas deixa um Slot de colónia livre (cada jogador pode ter 8 colónias + 1 planeta principal), este Slot deve ser utilizado como uma base móvel para a tua frota. Para os jogadores que preferem atacar outros jogadores pode ser útil conservar 2 slots para colónias, de modo a que a sua frota tenha uma mobilidade mais elevada. As colónias aumentarão a produção dos teus recursos rapidamente se as minas forem construídas de uma forma correcta – e com uma boa produção de recursos, a tua quantidade de pontos aumentará também mais rapidamente. Mais tarde poderás enviar a produção diária das tuas colónias para o teu planeta principal para lá converteres esses recursos em naves, em pesquisas, em defesas e em edifícios.

3. Tipos de ataques para jogadores Iniciantes

Atacar! É um dos aspectos principais do jogo. Atacando, poderás aumentar a tua “renda” diária de recursos, e terás a certeza que os planetas vizinhos não se desenvolverão mais rapidamente que os teus. Antes de atacar qualquer planeta, constrói sondas de espionagem e envia várias para que possas ver os edifícios, frotas, defesas e tecnologias do planeta defensor. Se no relatório de espionagem apenas aparecer os recursos no planeta, tem cuidado: Provavelmente encontraste um jogador mais forte do que tu e que pode querer vingança de um ataque teu. A quantidade de energia indicada pelos recursos é também uma possibilidade para ver a força do jogador: Quanto mais elevada for a sua energia, mais elevadas serão as suas minas e consequentemente uma elevada produção. Se enviares mais sondas, conseguirás ver as suas frotas e defesas. Envia uma frota que possa transportar os recursos roubados mas convém lembrar que apenas é possível roubar 50% dos recursos existentes no planeta. Os cargueiros são úteis porque as naves não têm muita capacidade para transportar recursos. Certifica-te que envias uma frota que seja suficientemente forte para destruir todas as naves e defesas do outro planeta (para simular combates usa o DragoSim). Mesmo que um único lançador de mísseis fique inteiro, o atacante não roubará nenhuns recursos! Se tiveres sucesso a atacar um planeta, vai-o espionando regularmente, e quando houver bastantes recursos ataca-o outra vez! (cuidado para não violares a Regra de Bashing). Provavelmente não conseguirás tantos recursos como da primeira vez, mas se fizeres isso a mais do que um planeta, funcionará e conseguirás arrecadar uns lucros extra de recursos todos os dias. Isso é chamado "farming" – o jogador garante que parte dos recursos vindo de outros jogadores (planetas) são adicionados à sua conta, através de ataques. E se encontrar muitos planetas para usar de “farm”, é como se o jogador possuísse mais colónias do que os outros jogadores. Certifica-te de que atacas cada planeta 1 vez por dia (não esquecer de espionar primeiro) para que o outro jogador tenha oportunidade de jogar também, e claro, também para não violar a regra de Bashing.

4. Tipos de ataques para jogadores não iniciantes

Agora é hora de começar a usar o sentido "real" da palavra ataque. A maioria dos jogadores não atacam por causa dos recursos armazenados em outros planetas, porque na maioria dos casos há somente alguns recursos e teriam que atacar muitos planetas para obter uma grande quantidade de recursos. Assim sendo, o objectivo do atacante é procurar frotas de outros jogadores para destruir – depois do combate 30% dos recursos investidos nas frotas destruídas originarão um Campo de Destroços (CD), e é este o objectivo maioritário dos ataques, atacar e reciclar. Aconselha-se a construir muitos recicladores e uma frota forte, e depois ataca, ataca e ataca! As naves de batalha (NB) são muito úteis e as mais utilizadas, assim sendo, comece a construir uma grande quantidade delas, tão rapidamente quanto possível. Os jogadores mais avançados costumam construir 2 Recicladores para 5 naves de batalha, assim, depois de uma batalha puderas recolher todos os destroços provocados pela tua frota ao outro jogador. Ter a tecnologia de armas, escudo e blindagem a níveis elevados são também muito úteis. Como atacar outras frotas: Primeiro que tudo: Espia. Tenta encontrar outras frotas. A maior parte dos jogadores menos experientes mantêm as suas frotas no planeta principal, desta forma, se procuras por frotas esses são os melhores planetas para procurar. Consegues saber qual o planeta principal de um jogador, carregando na opção de "enviar mensagem a este jogador". A imagem seguinte diz-nos como encontrar as coordenadas que estamos á procura:


Não te preocupes se não possuíres esta cor – Eu estou a usar a Skin empire

Espia o planeta que aí se encontra, se tiveres sorte encontrarás uma frota ao teu alcance que possas destruir e reciclar. Se não houver nenhuma, continua á procura e espia esse planeta outra vez noutro dia - provavelmente a seu frota estava apenas em viagem para outros planetas.

5. Tipos de ataques para jogadores mais avançados no jogo – usando o phalanx

Mais tarde no jogo, começam a surgir alguns problemas: primeiro, não haverão muitas mais frotas próximas do teu planeta principal, isto se tiveres trabalhado bem. Ou então essas frotas estão a salvo (direi no próximo capítulo como o fazer). É então nessa altura que os phalanxs entram em jogo e comprovam a sua utilidade! O problema: só podes construir este edifício numa lua. Arranjar uma lua poderá também ser bem complicado pois uma lua só pode ser criada quando uma frota é destruída na orbita de um planeta. Assim sendo, para se arranjar uma lua existem 3 possibilidades:

1. Alguém te atacou e destruiu a tua frota.
2. Alguém te atacou mas conseguiste destruir a frota atacante.
3. Pagaste a alguém para te atacar com uma frota apenas com o propósito de criar uma lua.

Por cada 100.000 de recursos a flutuar na órbita de um planeta, cria-se 1% de hipóteses de criar uma lua. A probabilidade máxima de a fazer é de 20%, não interessando se depois da batalha ficaram mais recursos suficientes para aumentar essa probabilidade. A segunda possibilidade é de longe a melhor, mas infelizmente também é a mais rara de acontecer. Assim que consigas uma lua, usa os teus cargueiros e transporta recursos para ela para começares a construir uma base lunar, para arranjar campos para o teu phalanx. O alcance do phalanx é medido da seguinte forma: x² - 1 = y, onde o “x” é o nível do phalanx e o “y” o número de sistemas solares. Quando tiveres a tua lua e phalanx prontos, espia outros planetas com ele – cada vez que o usares custará 5.000 de deutério, assim sendo, certifica-te que colocas deutério suficiente na tua lua para que o possas usar. O phalanx mostrará as movimentações das frotas do planeta espiado – com os tempos incluídos! Repara no tempo e na força da frota assim como nas defesas do planeta onde ela chegará e vê quanto tempo demora a tua frota a chegar a esse planeta. Por exemplo:

O phalanx mostra-te que a frota adversária demora 4h 34 min a chegar ao planeta. A frota é constituída por 345 Naves de batalha e 50 Destruidores. No planeta existe uma defesa composta por 400 lança-mísseis e 600 lasers ligeiros. A frota que necessitas para destruir esta e teres um bom lucro terá de ser composta com pelo menos 2.500 caças ligeiros. Não te assustes com a grande quantidade de caças que perderás - eles são apenas “carne para canhão” para que o fogo adversário não se concentre nas tuas preciosas naves de batalha – e as tuas perdas de recursos serão menores, acredita em mim. Para recolheres os recursos derivados da batalha, necessitarás de cerca 425 recicladores , no entanto, eles precisarão de mais tempo que a tua frota para chegar ao planeta. No nosso exemplo, vemos que precisamos de 3h 50min para levar os recicladores até ao planeta e por isso esperamos 30 minutos antes de os enviar para o CD do planeta com a missão de “recolher”. Se essa opção não estiver disponível, envia uma sonda para o planeta com ordem de ataque. A seguir ao seu “impacto”, a opção de recolha deverá aparecer nas missões dos recicladores. Fazendo isto, asseguras que ninguém te roubará os recursos pelos quais lutaste! De volta ao exemplo, a nossa frota precisa de 1h e 10min para chegar ao planeta marcado. Esperamos então 3h e 30min ou mais antes de enviar a frota, para que assim chegue o mais próximo possível da chegada da frota adversária ao planeta. Os bons jogadores conseguem diferenças de tempos de chegada entre as duas frotas menores a 3 segundos, tornando impossível para o jogador atacado de salvar a sua frota mesmo que esteja online!

6. Tipos de ataques para jogadores mais avançados no jogo – frota móvel

Quando não há mais planetas para atacar num raio próximo do teu planeta principal e tu não queres trabalhar mais com a lua e o phalanx ou porque é muito caro ou porque simplesmente estás farto, chega a altura de colonizar o oitavo planeta(espaço que salvaste para colonizar) e é nesta altura que se vê a sua importância. É tempo de colonizar um planeta próximo de novas galáxias e sistemas solares mais longínquos: especialmente sistemas solares e galáxias com muitos planetas para atacar e frotas para destruir. Certifica-te que a tua nova colónia não fica ao alcance de phalanxs inimigos, ou então que tens força suficiente para destruir as frotas dos seus donos. Coloniza um planeta num sistema com muitos vizinhos – evita sistemas que tenham colegas da tua aliança por perto – não deves partilhar com eles a mesma zona de acção. Primeiro, simplesmente faz a tua colónia, não precisarás de construir nenhuns edifícios nela – irás destruir a colónia mais tarde. Depois disso, espera alguns dias antes de partir para a acção e não movimentes a tua frota para a colónia demasiado cedo. Espera para ver quem espia a tua nova colónia e espia de volta. Fazendo isto, ficas com uma ideia de quem espia mais a zona – se o jogador que espia não representar uma ameaça para ti – ignora-o a princípio. Mais tarde poderás destruir a sua frota para vingar as vezes que te espiou! Eu prefiro esperar 2-3 dias, e penso que seja mais que suficiente esse período. Mas se já fores um dos melhores do universo e estiveres no Top25, não esperes! Transfere a tua frota para a colónia e destrói todas as frotas que puderes antes que os seus donos fujam com elas. Muitos jogadores reconhecerão rapidamente quando alguém “grande” chega á zona para destruir as suas frotas... Se no entanto não fores nenhum jogador de top, espera e então transfere a tua frota para lá. Leva deutério suficiente (muito importante!) e cargueiros, não te esqueças de levar também recicladores e sondas de espionagem que rapidamente entrarão ao serviço. Os cargueiros irão transportar os recursos roubados e o deutério manterá as tuas frotas móveis e activas. Ataca como se o fizesses no planeta principal: espia e ataca. As melhores alturas para o fazeres será por volta das 2 da manhã ou mais tarde ainda, isto porque as probabilidades que o jogador que estejas a atacar se ligue entretanto e faça fleetsave com a sua frota e recursos diminui. Nesses casos, as tuas perdas centram-se no imenso deutério que usaste para movimentar a frota até lá, enquanto que as dele são apenas algumas defesas (se as tiver). Passada uma semana de intensa acção, regressa com tudo para o planeta principal e cria uma nova colónia noutro sistema solar distante...Se salvaste duas colónias para este efeito, poderás ter duas dessas colónias “móveis” a trabalhar ao mesmo tempo – movimenta a tua frota de uma colónia para a outra quando apagares uma e colonizares posteriormente outro slot.

7. Salvaguardando a tua frota e recursos

Não, isto não quer dizer que tenhas de trabalhar com “savegames” no Ogame Razz. Para proteger a tua frota, primeiro terás de saber quanto tempo irás estar desligado. Em muitos casos, será qualquer coisa como 20horas por exemplo. Quando já souberes mais ou menos esse tempo, leva toda a tua frota (recicladores também!), e coloca umas coordenadas como destino. Não carregues para prosseguir! Olha apenas para o tempo total que durará a viagem. Coloca a velocidade a 10% e repara como o tempo total de viagem aumenta. Aumenta ou diminui a distância (coordenadas) ao local de destino até o tempo total da viagem ser metade do tempo que vais estar desligado. Supondo o exemplo das 20h, procuraríamos por um tempo total de viagem de cerca de 9h50 a 10h30. Apenas consideramos metade do tempo que estarás desligado, pois a frota terá de fazer a viagem de ida e de volta, mas o tempo que precisas será apenas de uma ida (metade do tempo) e não do tempo de ida e volta (tempo total). Quando encontrares o tempo correcto, faz para prosseguir. Nesta altura tens de decidir qual a missão que vais colocar na frota. Uma vez que tens recicladores contigo, deverás ter a opção de “recolher”. Escolhe esta missão para a frota e escolhe como destino o CD das coordenadas, de seguida preenche a capacidade de transporte da frota com os recursos que desejas salvaguardar – normalmente tudo aquilo que tens. Não interessa se colocas todos os teus recursos na frota para transportar – eles regressarão de qualquer forma com ela. Se tiveres feito tudo correctamente, a tua frota regressará (com todos os recursos que transportou...) e quando estiveres de novo ligado ela estará novamente disponível no planeta de origem á espera de mais ordens! Enquanto a tua frota estiver a “passear” pelo universo, ninguém poderá atacá-la, pois no OGame as frotas em movimento não podem ser interceptadas. Porque é que salvarias a tua frota? Resposta simples: para não ta destruírem enquanto estiver parada. Muitos jogadores quererão com certeza os 30% de recursos que pagaste por ela, daí eles tentarem destruí-la. Certifica-te que estás do lado correcto da cadeia alimentar! Mesmo quando um jogador mais fraco te espiar, há hipóteses de te destruírem a frota quando ele passa o relatório a outros jogadores e esses obviamente te atacarem!

8. Protegendo a tua frota de phalanxs

Obviamente, chegará uma altura em que terás de enfrentar phalanxs inimigos que não te permitirão manter a tua frota inteira durante muito mais tempo. Nessa altura terás algumas opções:

1. Salvaguarda a tua frota com a missão “transferir”.
2. Construir defesas suficientes.

8.1 Salvaguardar
Frotas em missão de transferência não são “encurraladas” por phalanxs, isto porque apenas têm uma viagem de ida. Alguém que te espie com o phalanx pode enviar a sua frota atrás de ti para te apanhar no teu local de chegada, mas podes sempre pedir o regresso para evitar o ataque! Quando ele espiar o planeta para o qual a tua frota regressará, ele não te verá a regressar com a frota, pois o phalanx não disponibiliza essa informação – não se trata de nenhum bug é mesmo assim que o jogo está feito!

8.2 Construir defesas suficientes
Defesa: A vantagem das defesas é que custam menos que uma nave com a mesmo poder em combate, para além de que as defesas quando destruídas não deixam detritos e há 70% de hipóteses das defesas destruídas em combate serem reparadas após esta. Para diminuir os lucros de um jogador que te destruísse a frota, constrói defesas: “carne para canhão” e algumas defesas poderosas! Primeiro: “carne para canhão”: lança mísseis e lasers ligeiros são os melhores nesta função. As hipóteses de atingir uma nave de batalha tendo 49 lança mísseis é reduzida a 2%, mas por outro lado as tuas naves de batalha poderão ripostar de volta aos atacantes sem serem seriamente danificadas a não ser que o teu adversário tenha muita sorte, isto graças aos lança mísseis – que não deixam detritos depois da batalha na orbita do teu planeta – os atacantes perdem tempo/rondas a disparar para eles enquanto a tua frota vai diminuindo a dele! Se construíres pelo menos 10 lança mísseis ou lasers ligeiros por cada uma nave de batalha tua, as hipótese da frota atacante a atingirem será inferior a 10% - não é com certeza um alvo muito apelativo para ataques, não é verdade? Estou certo que muitos jogadores me odiarão por estar a escrever estas frases pois maior parte deles não gosta com certeza de estruturas defensivas tais que inviabilizem um ataque bem sucedido a um planeta, especialmente se os detritos formados depois do ataque não compensarem as perdas.

9. A tua confissão de Ogamer – tens liberdade de escolha!

Como é que te queres comportar no OGame? Queres comercializar com outros jogadores? Ou preferes atacá-los até eles se renderem perante a tua frota vitoriosa? Queres espalhar o terror e o medo onde quer que a tua frota se aproxime? Ou oprimir os outros? “One-Man Army” ou equipa de “assassinos”? (aliados) Queres ser um “caçador de cabeças”? O OGame dá-te uma imensa liberdade neste aspecto – e tu és livre para escolher! Não és forçado a atacar – embora seja mais aconselhado para os teus pontos caso o faças. Mas também quem se importa com os pontos desde que se esteja a divertir? Este capítulo do tutorial serve apenas para te mostrar as possibilidades no OGame.

10. “Carne para canhão” e armas poderosas!

Precisarás de “carne para canhão” no “meio jogo” e quando estiveres mais avançado nele para reduzir as tuas perdas. Quando me refiro a “carne para canhão” refiro-me a caças ligeiros e aos lasers ligeiros, uma vez que o objectivo deles é exactamente o de manter os tiros longe das tuas naves e defesas mais caras. Se 100 naves de batalha e 900 caças ligeiros combaterem contra 200 naves de batalha, as 200 perderão, pois não conseguirão concentrar o seu poder de fogo nas naves de batalha adversária que são realmente as que fazem maior parte dos estragos! As 100 naves de batalha mais os 900 caças ligeiros ganharão e para além disso, o jogador que as enviou conseguirá obter, através da reciclagem, um pequeno lucro! Cada nave escolhe ao acaso um alvo e dispara contra ele. Se tiveres 100 naves de batalha e 900 caças ligeiros, as hipóteses de acertar numa das naves de batalha é reduzida a 10%, pois essa percentagem corresponde exactamente á percentagem de naves de batalhas na frota inteira, obrigando o teu adversário a esforçar-se muito mais para destruir e diminuir a tua “carne para canhão” (caças ligeiros neste exemplo) e conseguir de facto acertar nas grandes naves e defesas que se escondem por detrás deles. Um canhão de plasma no meio de 999 lança mísseis terá hipóteses muito pequenas de ser atingido e pode no entanto ser responsável por grandes perdas do lado atacante se este atacar só com naves de batalha! Esse canhão de plasma destruirá até 6 naves de batalha – uma a cada ronda do ataque! Assim sendo, certifica-te sempre que atacas, de ver se o teu inimigo tem “carne para canhão”: nesses casos usa naves que tenham rapidfire contra ele! Por exemplo, se ele tiver muitos lasers ligeiros os destruidores serão a melhor escolha: um destruidor consegue destruir até 10 laser ligeiros por ronda do ataque! Imagina como a “carne para canhão dele” pode ser destruída em apenas 1-2 rondas do ataque...

Texto trabalhado e traduzido por Devil_Boy
Construções até chegar às Naves

Sequência da construção maciça para chegar mais rapidamente à construção de naves de ataque:

1.) Planta de Energia (1)
2.) Mina de Metal (1)
3.) Mina de Metal (2)
4.) Planta de Energia (2)
5.) Mina de Metal (3)
6.) Mina de Metal (4)
7.) Planta de Energia (3)
8.) Mina de Cristal (1)
9.) Mina de Metal (5)
10.) Planta de Energia (4)
11.) Mina de Cristal (2)
12.) Mina de Cristal (3)
13.) Planta de Energia (5)
14.) Sintetizador de Deutério (1)
15.) Mina de Cristal (4)
16.) Planta de Energia (6)
17.) Mina de Metal (6)
18.) Mina de Metal (7)
19.) Planta de Energia (7)
20.) Mina de Cristal (5)
21.) Sintetizador de Deutério (2)
22.) Planta de Energia (8 )
23.) Sintetizador de Deutério (3)
24.) Sintetizador de Deutério (4)
25.) Sintetizador de Deutério (5) (baixar o Deutério para 80% dentro dos Recursos)
26.) Fábrica de robots (1)
27.) Laboratório de pesquisas (1)
28.) Fábrica de robots (2)
29.) Tecnologia da Energia (1)
30.) Hangar (1)
31.) Planta de Energia (9)
32.) Motor de Combustão (1)
33.) Mina de Cristal (6)
34.) Hangar (2)
35.) Sintetizador de Deutério (6) (baixar o Deutério a 80% dentro dos Recursos)
36.) Motor de Combustão (2)

Admin
Admin

Mensagens: 3
Data de inscrição: 08/01/2010
Idade: 23
Localização: Recife

Ver perfil do usuário http://imperiojedi.forumeiro.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum